terça-feira, setembro 16, 2008

RECANTO MINHOTO


Adelaide 2008

4 comentários:

A. João Soares disse...

Querida Milai,
Lindos quadros. Mas o fotógrafo devia ter colocado a máquina na perpendicular ao centro do quadro para evitar a deformação, com estreitamento para cima ou para baixo. Há quadros em que a máquina ficou abaixo e no último ficou acima dessa perpendicular. Antes de disparar, convém olhar bem para o enquadramento no visor.
Esse cuidado valorizará muito a imagem, por não a distorcer.
Com este reparo apenas quero contribuir para a valorização dos seus quadros que são muito belos.
Beijos
João

maqira disse...

Olá querido Amigo João. Aqui tem a razão porque tenho andado um pouco afastada
dos CVS. Mais ou menos de há seis meses a esta parte a pintura tomou conta de mim. Uma capacidade que veio ao de cima de repente. Tudo acontece na hora certa. Mas, ainda tenho muito que aprender. A fotografa fui eu e vou seguir os seus conselhos e tentar melhorá-la. Esta foi mais uma prova de que a sua amizade é verdadeira sincera e transparente. Merece o meu abraço de felicidade.

A. João Soares disse...

Querida Amiga Milai,
Ainda bem que não se zangou com a minha sugestão, como fariam os ljotas do PS contra o Manuel Alegre!.
As imagens estão muito melhor. Não é fácil.
A forma mais fácil será dependurar a tela na parede por forma a que o centro fique à altura da objectiva, e esta deve ficar mesmo perpendicular à tela. Assim não haverá deformação do rectângulo ou quadrado.
Minha amiga, há coisas fáceis de dizer mas difíceis de fazer.
Beijinhos
João

maqira disse...

Obrigada meu Amigo.

Tudo o que quiser me ensinar eu agradeço. O meu filho é o meu fotógrafo mas, às vezes, sou eu. A próxima tela vou pendurá-la na parede.
É certo, coisas que parecem fáceis são difíceis. Como já disse tenho ainda muito para aprender. Mas estou a adorar.

Abraço
Mlai